Notice: Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE in /var/www/novosite/bib/classes/util/i18n/Language.php on line 106
» Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa «
Webmail | Acessibilidade
Redes Sociais
Fapespa lança Barômetro da Sustentabilidade do município de Santa Bárbara

Fapespa lança Barômetro da Sustentabilidade do município de Santa Bárbara

Data: 07/07/2017

A Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa) lançou na ultima terça-feira, 04, o “Barômetro da Sustentabilidade do município de Santa Bárbara”, publicação que reúne análises do bem-estar humano e ambiental em diversos âmbitos, apontando o nível de sustentabilidade do município. De acordo com alguns resultados do estudo, a base econômica local gira em torno, principalmente, da agropecuária e da indústria de transformação no segmento madeireiro, sendo que, na primeira, ocorre a extração da madeira em lenha, cuja produção local correspondeu a 33,33% da produção regional, através da qual ocorre o abastecimento da indústria madeireira, assim como o direcionamento do produto ao comercio exterior.

Convém destacar também que o município é o terceiro maior produtor de açaí da região, com 120 toneladas em 2015, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No contexto da pecuária regional, o município apresenta predominância de dois rebanhos, a saber, galináceos, com efetivo de 40 mil cabeças, e bovino com 1.326 cabeças, os quais apresentam 17,2% e 27% dos respectivos rebanhos regional (IBGE, 2015).

No âmbito econômico, o município registrou PIB (Produto Interno Bruto) de R$ 121.341milhões em 2014, crescimento de 18,3% em relação ao ano anterior, marcando o quinto lugar no ranking regional. Sob a ótica do Valor Adicionado Bruto (VAB), os setores que detiveram maior participação foram Administração Pública (44%) e Indústria (28%). No comércio exterior, o município registrou o terceiro maior saldo na balança comercial da RI, com US$ 14.079.594 milhões em 2016, entre os principais produtos exportados estão madeira, carvão vegetal e obras de madeira.

No que diz respeito à dinâmica do mercado de trabalho local em relação aos setores mais importantes da economia, Administração Pública é o setor que mais emprega no município, pois detêm 40,5% dos vínculos empregatícios registrados, equivalente a 682 vínculos, seguido pela Indústria de Transformação com 497 vínculos (30%), os quais, em sua maioria, estão distribuídos em estabelecimentos do ramo madeireiro, como exemplo, em serrarias e na fabricação de móveis de madeira; Serviços com 213 vínculos (13%); Comércio com 107 vínculos (6,4%) e Agropecuária com 92 vínculos (5,5%), sobre este último, ressalta-se o cultivo de dendê, o qual representa 79,3% dos vínculos do setor, de acordo com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE, 2015).

Para o presidente da Fapespa, Eduardo Costa, o Barômetro lançado é de grande importância para o desenvolvimento do munícipio. “Esta ferramenta vai auxiliar as tomadas de decisões, a gestão de políticas públicas mais inclusivas, igualitárias e sustentáveis para a população de Barcarena”, finalizou.

Enviar por email

Deixe seu Comentario

Veja também

SIG AMAZÔNIA

Links úteis +

Editais, Ferramentas e Avisos +